Bebê prematuro moderado a tardio – de 32 a 36 semanas


Um bebê é considerado prematuro moderado a tardio quando nasce entre 32 a 36 semanas de gestação. Nesse caso, os pulmões do bebê não estão totalmente desenvolvidos e ele ainda tem dificuldade em manter a temperatura do seu corpo.

Pode ser que o prematuro moderado fique muito cansado ao mamar, pois ainda tem dificuldade de coordenar a respiração com a sucção. Mas ele já é capaz - ou quase capaz - de se alimentar sozinho.

A evolução do sistema respiratório continua, mas ele já está mais maduro. Esse período é caracterizado por um forte desenvolvimento de todos os tipos de células, como as dos vasos sanguíneos e alvéolos (estruturas onde se realiza a troca gasosa nos pulmões).

Cuidados após o nascimento do bebê prematuro moderado a tardio

O bebê prematuro moderado a tardio precisa de cuidados especiais. Por isso, ele pode permanecer no berçário ou ser internado na Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal (UTIN), que conta com os principais recursos (especialistas e equipamentos) necessários para que as funções vitais do bebê se desenvolvam corretamente.

Desenvolvimento do bebê no útero entre as 32 e 36 semanas

  • 33 semanas – o bebê já tem o sistema nervoso totalmente desenvolvido e agora começa a desenvolver o sistema imunológico. A pele está menos enrugada e menos transparente;
  • 34 semanas – a pele do bebê está se tornando mais espessa e o lanugo (penugem fina) quase não existe mais. Ele já reconhece a voz da mãe e identifica canções, isso porque a audição já está mais madura;
  • 35 semanas – o bebê passa a ganhar muito peso e os movimentos dele tendem a ser mais fortes e menos frequentes porque ele está apertado no útero;
  • 36 semanas – o bebê ganhou peso e cresceu. Ele está mais desenvolvido e pode nascer a qualquer momento.

Referências